Tendência na decoração: azul índigo

Tem uma cor que vem aparecendo muito em projetos de decoração: é o azul índigo, que também é conhecido como azul marinho.

É uma cor que, por si só, já é bem luxuosa: o pigmento azul-ultramarinho foi e é o mais caro de todos os tempos. O tom é quase um neutro.

indigo 1

Esses dois quartos têm praticamente só duas cores: o azul índigo e o branco. E nenhuma das opções é careta. O tom, na verdade, pode ser também uma ótima alternativa para quem não gosta de ambientes muito coloridos, mas tem medo (ou implicância) com o preto.

indigo 2

E não é só em ambientes monocromáticos que funciona. Misturado com diversas cores, mas em predominância na parede, esse azul pode trazer a sobriedade que estava faltando. Sem falar que é uma cor super-inesperada, que chama a atenção, mas sem cansar muito.
indigo 3

Ou, se você não quiser pintar todas as paredes, ela pode ser uma ótima cor de destaque. Em um canto só, ou em um objeto. No jogo de cama, por exemplo, funciona super-bem e continua sendo o centro das atenções.

indigo 4

Se você estiver apreensivo sobre a cor escurecer o ambiente, principalmente se a sua casa não receber muita luz, existe uma dica básica: misture com cores e materiais bem claros.

Na primeira imagem a solução foi usar como padronagem de fundo branco, o que garantiu um ambiente iluminado. O tom se complementou nos vasos, nas gavetas e na almofada, o que gerou um equilíbrio.

Já na segunda imagem, apesar da parede escura, a iluminação tem espaço pra se refletir no tapete, no jogo de cama, nos quadros, nos objetos decorativos e na madeira. Isso porque são todos claros.

indigo 5

O azul índigo também funciona em ambientes bem coloridos e alegres. O azul-marinho tanto pode ser usado como uma cor neutra (ou seja, considere-o como um preto, um branco ou um cinza) quanto combinando com outras. É um casamento perfeito com o amarelo.

indigo 6

E não é só na sala que o azul índigo fica bom não! Trouxemos exemplos de que ele pode muito bem combinar com a sua cozinha ou banheiro. Inclusive vale lembrar que os azulejos portugueses são sempre nessa cor. Até dá para criar uma composição interessante monocromática misturando vários modelos!

 

FONTE: Casa e Cozinha